É basicamente isto.

É basicamente isto.

1 de junho de 2015

Um dos maiores flagelos dos nossos tempos...

...é o facto das salas de cinema terem deixado de ter, na sua esmagadora maioria, lugares marcados. Isto fez-nos, a todos, perceber uma realidade perturbadora : as pessoas não sabem o alfabeto. Pronto, já disse. É ver quedas nas escadas, tropeções, pipocas entornadas, tudo porque andam ali, para cima e para baixo, num assustador "ora bem, é a fila F...estamos na H, por isso, é para cima...quer dizer, para baixo...quer dizer, espera lá, qual é a fila mesmo?"

É uma derrota em toda a linha para os professores do ensino básico.

12 comentários:

  1. Respostas
    1. É do barulho das luzes, como diz o meu Pai...

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Não sou a única a reparar!! É assustador, não é? Bem-Vinda, Marta :)

      Eliminar
  3. Respostas
    1. É vê-los..."Ora bem, A, B, C, G, I, L, R, S, F..."

      Eliminar
  4. A mim não convidas tu para ir ao cinema..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Depois de teres encontrado a Mulher da tua vida num comboio? Sejam felizes!

      Eliminar
  5. Ahah :P e assim nos damos conta das desgraças nas mais pequenas coisas!

    ResponderEliminar
  6. E ainda há pior: Há aqueles locais onde ainda é marcado e os adolescentes e menos adolescentes... entram e sentam-se onde calha e lhes dá na real gana...excepto quando têm o azar de cruzar comigo: "Ora toca a levantar o rabinho, andor violeta que se faz tarde!"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gosto tanto disso...há uns meses, tive um pequeno "desentendimento" com uma senhora com idade para ser minha mãe, que não queria levantar o rabiosque da mina cadeira...e quano o levantou, ainda foi para o seu lugar a chamar-me tudo! Toma lá!

      Eliminar

Elaborai à vontade a tua teoria.

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.