É basicamente isto.

É basicamente isto.

17 de junho de 2013

O que as férias nos ensinam.

É bem verdade que uma pessoa está sempre a aprender, e as férias não constituem uma excepção. Voltei bem mais esclarecida, sobre os mais variados (e pertinentes) assuntos da nossa sociedade. Vou partilhar convosco, porque acredito piamente que isto do partilhar o saber é importante. Vejamos:
- regressar de autocarro, às 3 da manhã, de um Casamento em que se comeu e bebeu como se não houvesse amanhã, é uma péssima ideia. Sobretudo quando se enjoa facilmente. E sobretudo se estamos a falar de uma viagem de uma hora. Divertido, mas arriscadíssimo. Parvo, pronto;
- se uma pessoa tem pouca sorte durante o resto do ano, uma pessoa terá pouca sorte mesmo de férias. Isto é o mesmo que dizer que, à primeira oportunidade, uma pessoa será multada. Uma multa de estacionamento para abrir a pestana. Parquímetro pago até à meia noite, já ouviram falar? Pois que existe. Agora já sei. Tinha acabado de chegar. Not cool;
- nasci para apreciar as coisas boas da vida. Boa comida, boa companhia, boas praias, bom clima, boa diversão, bons livros, boas conversas. E para isto preciso de estar de férias. É mais fácil. Dito isto, confirma-se o que já sei há algum tempo : nasci para ser rica;
- os areais portugueses não mentem : as mulheres estão a envelhecer bem melhor do que os homens. É vê-las, bem feitas e jeitosas, a passear-se ao lado das barrigas de cerveja dos companheiros;
- os homens ainda não perceberam o que vestir na praia. São poucos aqueles que acertam. Ou o calção é demasiado comprido, ou demasiado curto, ou é uma tanga. O calção certo permanece quase um mistério;
- entrar num bar ou numa discoteca para dançar, e encontrar pessoas de 30 ou mais anos, é cada vez mais raro. Uma pessoa, mesmo uma jovem trintinha como eu, sente-se quase como num baile de finalistas do liceu;
- e, por último, aquela que é uma verdade incontornável : acho que nunca na vida, desde que me lembro de ser gente, consegui descansar o suficiente nas férias. Mas é sinal que pouca coisa ficou para fazer, e só isso já me faz sorrir com vontade enquanto escrevo esta frase.





35 comentários:

  1. Bolas, és exigente LOL
    Bom regresso ao trabalho :-)
    Joquinhas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah, pois sou!! Tudo a que tenho direito, sff =)

      Obrigada, bjs!

      Eliminar
    2. Tudo...mas com requisitos ne :p

      Eliminar
  2. Pois então, seja bem-vinda!
    Depois temos que conversar sobre aquelas fotografias que se encontram algures ali para baixo que a menina fez questão de postar e eu fiz questão de não comentar...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Temos? Fotografias? Hum?? terá sido um bug??

      Obrigada :)

      Eliminar
  3. Mas quem é que no seu perfeito juizo, descansa nas férias?!
    As férias foram feitas para realmente te cansares, e saberes que as aproveitaste.

    De resto, por não saber que tipo de calção usar, é que uso trikini (Borat version), não vou a discotecas (não me apetece levar com miudos bebados e tabaco a entrar pelos olhos), multas de estacionamente não pago nem uma (e já ali tenho uma bela coleção), tens que me dizer onde é essa praia das gajas boas (para elas verem um gajo sem barriga de cerveja).

    E bom regresso à vida laboral! Pensa que a partir de agora, já descontaste tudo para o estado, e vai ser só lucro! :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quero uma foto do trikini no teu blog, ASAP!! A discotecas ainda vou, mas a cada vez menos...multas de estacionamento também não têm merecido os meus euros.

      O que não falta, além daquela lá mais para Sul, são praias carregadas de miúdas jeitosas na Caparica! ;)

      Eliminar
  4. Também acho que nasci para ser rica. É uma pena quando o destino se engana. Sniff...

    Bom regresso!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu desta vez, até joguei no Euromilhões! Por falar nisso, tenho de ir ver os números...

      Obrigada!

      Eliminar
  5. Falas tão bem pá!

    Ainda bem que estás de volta :)

    Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Amor meu!

      Não desfazendo das saudades que tive, estava era por lá ainda...

      Bj

      Eliminar
    2. Ahahahahahah;) o que eu me ri agora:)))) Pensei que MorMeu tinha comentado o teu post...até saltei da cadeira!!!!
      Ufassss é a minha bombokinha...tá-se bê!(Isto de estar a ler posts às escondidas, com a janela pequenina... dá em mal entendidos engraçados)

      jinhossss

      Eliminar
    3. Não sei por onde andaste, mas pelas fotos ia contigo :)


      AHAHA Suri you should know better :P

      Eliminar
  6. És tu e eu então ;)
    Boa semana (e custa tanto voltar)
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se custa, Flow! Se custa...para ti também.

      Bjs

      Eliminar
  7. Para descansar, não há como o emprego. Lool

    ResponderEliminar
  8. Primeiro: BEM-REGRESSADA!
    Segundo: ainda bem que descansaste, o resto é secundário!
    Terceiro: eu já não vou a discotecas há... há... há... há muito tempo, pelo que é melhor não arriscar ou ainda acabo num programa da NatGeo, tipo dos fósseis pré-históricos...!!! :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu ainda ando a tentar contrariar o curso normal das coisas, e lá vou de vez em quando...mas cada vez mais me sinto deslocada! Damn...
      Obrigada!

      Eliminar
  9. OLÀ....de regresso...q bom ahaha e o que eu me ri. Subscrevo todos os items :) beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Regressos perigosos....discotecas infantis (eheheh) e descansar nas férias?

    na na...nada bate certo. Se calhar só mesmo a música - a do carro no regresso, a da discoteca ou a do bar nas férias :)))

    Calções de banho mistério...:)))

    Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E aconteceu tudo, apesar de nada bater certo :)

      bjs

      Eliminar
  11. Adorei este post, e eu sou tal e qual como tu, chego sempre cansada das férias, mas é sinal que valeu a pena!! Quanto às outras observações estão muito bem conseguidas :D Bela análise!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É tal e qual assim, Opinante! Nós é que sabemos =)

      Eliminar
  12. Mesmo assim, umas belas férias, portanto! :)

    ResponderEliminar
  13. OLá CM,
    Bem pelo documento oficial correu bem, muito bem.
    Essa dos homens e da praia discordo mas lá está por alguma razão uso muitas vezes a palavra algum e afins, há sempre tão boas e raras excepções, e não não estou a falar de mim, :)

    Foi bom teres voltado mas fiquei muito contente por estares de férias.

    beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Correu muitíssimo bem, sim :)

      Acredito que existam excepções, e até vi algumas, mas a larga maioria vai mal...vai muito mal!!

      Beijinho

      Eliminar
  14. Também eu estou super feliz de te ter de volta:)
    Tens razão em tudo, ou deves ter porque essa do autocarro nunca experimentei.

    A do calção confesso que já me atormentou o espirito muitas vezes...e continua um mistério...

    jinhossssssss
    P.S. eu disse que voltava quando parasse de chorar:)

    ResponderEliminar
  15. "- regressar de autocarro, às 3 da manhã, de um Casamento em que se comeu e bebeu como se não houvesse amanhã, é uma péssima ideia. Sobretudo quando se enjoa facilmente. E sobretudo se estamos a falar de uma viagem de uma hora. Divertido, mas arriscadíssimo. Parvo, pronto." AHAHAHAH como não falas da ida para o dito casamento?! LOOL

    ResponderEliminar

Elaborai à vontade a tua teoria.

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.